quarta-feira, 31 de agosto de 2011

VIRADA DE PÁGINA

Há quem defenda a tese de que returno é outro campeonato, bem diferente do primeiro turno.

É evidente que isto não é regral geral e infalível.

O lado psicológico de uma virada de turno pode até influenciar equipes, grupos, jogadores, treinadores. Mas não dá para cravar.

Então, neste meio de semana daremos a largada do segundo turno do Brasileirão.

Vamos lá.

CORINTHIANS X GRÊMIO ---
O tricolor gaúcho tá precisando urgentemente de reação. A massa gremista anda muito preocupada, e tem razão de estar.
Já o Corinthians até ameaça Tite de demissão caso o time não volte a vencer.
O jogo é no Pacaembu.

SÃO PAULO X FLUMINENSE ---
No momento o tricolor paulista está melhor.
Abel Braga não consegue dar ao Flu o seu jeitão tático de atuar.
O tricolor carioca nas últimas cinco partidas, só venceu uma.
Noite gelada no Morumbi para esse choque de tricolores.

VASCO X CEARÁ ---
Como estaria o emocional do Vasco para essa partida?
O baque foi muito forte no elenco cruzmaltino.
Foi traumatizante o ocorrido com Ricardo Gomes, embora as noticias médicas sejam alentadoras.
Ceará não faz um mal campeonato, porém instável nos resultados. Ganhou bem do Bahia na rodada passada.

BOTAFOGO X PALMEIRAS ---
Os dois times vêm de vitórias em clássicos, o que dá moral.
Duas equipes de olho na Libertadores, e no titulo, por que não?
Briga direta por posição na tabela.
Jogo bom.

INTERNACIONAL X SANTOS ---
O campeão da Libertadores, pensando no Mundial, vai disputando o Brasileirão numa boa, embora rondando a zona de rebaixamento, mas com um jogo a menos.
Peixe pega o Inter hoje e folga no fim de semana, pois a partida contra o Botafogo foi adiada.
Instável o Colorado no campeonato. Sua torcida anda resmungando pelos cantos.
Precisa reagir o time gaúcho.

CRUZEIRO X FIGUEIRENSE ---
Joel Santana disse outro dia que o Cruzeiro ainda vai disputar o titulo. E time para isso, a Raposa tem.
O Figueira, ainda atordoado pela derrota no clássico com o Avaí, vai tentar dar a volta por cima.
Cruzeiro ligeiramente favorito nesse jogo, mas é bom tomar cuidado com o alvinegro catarinense.

AVAI X FLAMENGO ---
O Leão catarinense está motivado. Ganhou do Figueira e isso tem um significado muito grande na rivalidade local. Mas ainda está na zona de risco.
Flamengo é um dos fortissimos candidatos ao titulo.
Com chuva e frio na Ressacada, o jogo promete ser espetacular.

BAHIA X AMÉRICA MINEIRO ---
Tricolor da Boa Terra levou três sapecadas do Ceará. A galera chiou muito.
O Coelho parece fadado a cair, mas aposta no segundo turno, nova etapa, novos ares, para escapar.
Nesse jogo em Salvador não dá para deixar de apostar no Bahia.

ATLÉTICO GOIANIENSE X CORITIBA ---
Incrível a reação do time goiano nas últimas rodadas.
Vitórias marcantes.
Coxa nas últimas cinco partidas, perdeu apenas para o Flamengo. Vai indo bem o time de Couto Pereira.
Esse jogo na capital goiana recomenda ser assistido.

ATLÉTICO PR X ATLÉTICO MINEIRO ---
Furacão nao perde há sete rodadas.
Foram quatro empates nessa série, a bem da verdade.
Mas ficar sem derrotas dá moral.
O Galo está em situação de desespero. Crise em campo. Crise fora de campo.
Parte da torcida galista pede a saída do presidente e diretoria.
Individualmente, o Galo tem bons valores. Mas nao encaixa.

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

RICARDO GOMES - EXEMPLO

Num mundo onde as raridades são as pessoas de bem, lamentavelmente, faço o registro do caráter e da honradez de Ricardo Gomes.

Deixo claro que não estou sendo oportunista, pois o momento é de consternação pelo delicado estado de saúde de Ricardo.

Entendo que devemos ressaltar as pessoas que "se salvam" nesse planeta conturbado, pela lealdade, compromisso de respeito ao próximo, e tudo mais.

Desde quando jogava, RG foi ético, ponderado, equilibrado, sensato.
Agora na pressão que qualquer treinador recebe, mesmo nos momentos dificeis, ele procurou manter a fala mansa e o respeito aos interlocutores.

Alguns "entendidos" da matéria criticam a linha e os conhecimentos dele como técnico, o que também é subjetivo, mas não podem negar os atributos pessoais e morais de Ricardo.

Quando o futebol tem alguém como ele, acende-se uma chama de esperança para a moralidade dos nossos bastidores.
Quando o futebol sobre um desfalque, como agora, e que esperamos seja momentâneo, aumenta a preocupação com os rumos éticos desse esporte.

E confesso que sempre me preocupo, e muito mais, com as qualidades pessoais dos envolvidos no futebol, do que propriamente com a parte técnica e de vitórias.

O mundo ficará melhor se as PESSOAS melhorarem, e não se tivermos MUITOS CRAQUES em campo.

Nossa corrente de orações - seja qual for a crença de cada um - para que os Anjos da Vida sigam cuidando do querido Ricardo Gomes.
Precisamos dele por mais tempo aqui conosco.



sexta-feira, 26 de agosto de 2011

FIM DE SEMANA

Meu fim de semana será pelo Premiére FC.

Sábado no Canindé com Portuguesa e Icasa, quatro e vinte da tarde.

Domingo Santos x São Paulo, quatro da tarde, Vila Belmiro, mas com transmissão dos estúdios Globosat/Rio de Janeiro.

Última rodada dos primeiros turnos, séries A e B.

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

PARABÉNS AO PALMEIRAS !

Somos rápidos quando é preciso criticar as pessoas do futebol, mas precisamos ressaltar os fatos positivos quando acontecem.

Por exemplo, a diretoria do Palmeiras liberou uma cota maior de ingressos ao Corinthians no clássico do próximo domingo em Presidente Prudente.
Agiu com bom senso, além é evidente da pretensão comercial, qual seja a de arrecadar mais.
Mas já vimos muitos casos de clubes endurecerem quando o assunto é dar mais ingressos ao adversário, por birra, rivalidade, coisa e tal.

Quanto mais interessante e bonito fica o espetáculo quando o estádio é totalmente preenchido pelos torcedores.
O futebol é profissional, tem de visar vários aspectos além do financeiro. Mas se for possivel um casamento de tudo, tanto melhor, ora bolas.

Outra questão que precisa ser revista urgentemente é a da utilização do Morumbi por Palmeiras, Corinthians e Santos.
Mesmo sabendo-se que há vários pontos envolvidos no assunto, aspectos politicos inclusive, o certo é que todos se voltassem para o bom senso.

Afinal, não é melhor que TODOS GANHEM, utilizando o Morumbi?

O que vemos, infelizmente, é uma queda-de-braço absurda, onde todos saem no prejuizo.

Mas voltando ao principal assunto desse comentário, parabéns ao Palmeiras por agir profissionalmente e com despreendimento, cedendo mais ingressos ao Corinthians domingo em Prudente.

Será um belo espetáculo esportivo.

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

MORREU MARIÃO

Morreu Marião, que foi zagueiro de São Paulo, Internacional, Náutico, Sport e vários outros clubes brasileiros.

Tinha 59 anos de idade e sofria de problemas cardíacos.

Marião era um zagueiro forte, viril, impunha pelo tamanho e vontade.

Recentemente era treinador e trabalhava nas categorias de base do Primeira Camisa, de Roque Júnior.

O sepultamento de seu corpo será em São José dos Campos nesta quinta-feira.

Um nome que compos parte da história do futebol brasileiro.
Merece homenagens e respeito.

RECADO PRA DONA MARIA ALICE

Amigos e amigas, evito ao máximo esse negócio de votar nos "melhores disso ou daquilo", nessa área ou em qualquer outra.

Mas não podia deixar de atender ao colega José Ilan, outro dia, que me pediu para relacionar os "10 melhores goleiros" da história brasileira.

Não gosto, pois em primeiro lugar corremos o grande risco de cometer injustiças e esquecimento de nomes.
Quando emitimos qualquer opinião - eu penso assim - a responsabilidade é muito grande. Estamos mexendo com fatos, personalidades, e a fidelidade à verdade e à justiça deve prevalecer.

Fiz minha relação e certamente descontentei pessoas, que têm suas visões e opiniões diferentes. Cada um vê de um jeito ou se simpatiza com algo ou alguém.
Normal, isso.

É o caso de uma leitora do blog, dona Maria Alice, a quem respeito muito, que se estarrece com o fato da minha relação dos 10 não constar Castilho, Fluminense, Santos e Seleção Brasileira.

Prontamente respondi à ela no Post "Palmeiras x Vasco, Quinta" e depois na coluna seguinte.
* Por não ter lido a publicação de seu comentário, Maria Alice protestou e mandou outra observação dizendo que jornalista não gosta de criticas.
Não é o meu caso, dona Maria Alice.
Não só publiquei sua critica, como também respondi, justificando.
Confira, por favor.

Mas voltando ao tema, é muito dificil você pegar a história do futebol brasileiro e destacar apenas dez nomes, dessa ou daquela posição.
Esquecimento ou equivocos, certamente aparecerão.
Dona Maria Alice, também, me acusou de bairrista, pois dos dez nomes, oito eram de paulistas.
Ocorre que me orientei em goleiros que EU VI jogar, fisica, pessoalmente.

Mas Carlos Castilho merece todas as honras.
Foi reserva de Gilmar dos Santos Neves em duas Copas, bicampeão mundial.
Um goleiraço.
Mas vi muito pouco.

** Maria Alice, reforço: não só publiquei suas criticas, como também respondi.
Confira, por favor.






terça-feira, 23 de agosto de 2011

FELIPÃO, OS ÁRBITROS E O RESPEITO

Felipão suspenso e não fica no banco domingo diante do Corinthians.

O treinador dá declarações contundentes e diz que está sendo perseguido pelas arbitragens, ameaçando não mais ficar no banco daqui para a frente.

Independentemente de ser Felipão, neste momento, o treinador suspenso pelo tribunal, quero abordar a questão da relação entre os árbitros e os técnicos dos clubes.

O futebol é quente, apaixonante, envolvente, proporciona ações impensadas durante um partida, e tudo isso é compreensível.

Porém, se pegarmos os princípios básicos da boa educação e do respeito, inseridos numa competição esportiva, verificaremos que infelizmente os mesmos não são exercitados no futebol. Ou, pelo menos, pela imensa maioria dos profissionais.

Há desentendimentos desmedidos entre os próprios treinadores, entre os técnicos e alguns jornalistas, e vice-versa, e principalmente na relação "árbitros/treinadores".

A constatação prática é o que vemos em todas as rodadas, ou seja, alguns técnicos desrespeitam e invadem a área de atuação dos juizes.
Protestam espetacularmente, vociferam, jogam a torcida contra o árbitro, colocam em dúvida a postura moral de quem apita, e etc etc etc....

É evidente que os árbitros erram, afinal são humanos, falíveis, passíveis de equivocos.
Mas daí a atirarmos dardos de desconfiança sobre eles, alegando "esquemas", má-fé, "desonestidade", é muito forte. Até leviano.

E vários treinadores entram por esse campo perigoso da calúnia, difamação, arvorando-se de pretensa autoridade, com um misto de arrogância, soberba e de demagogia junto às torcidas de seus clubes.

As reclamações podem e devem ser registradas, mas no limite do equilibrio e do respeito. Não é o que acontece com conhecidos treinadores do nosso futebol.

Portanto, à partir dos exageros é que o tribunal entra em ação e faz o seu papel.

Não sou puritano, ingenuo, a ponto de achar que tudo é um mar de rosas no mundo das arbitragens, mas acredito que as impurezas sejam isoladas, pontuais.

Defendo a tese do respeito, acima de qualquer ocorrência extracampo.
E dentro dessa minha visão, condeno todo e qualquer treinador que atirar pedras oportunisticamente às arbitragens, só para justificar as derrotas.

E a maior prova do oportunismo de alguns manjados treinadores, é que quando vencem nem tocam na atuação dos juizes, e que certamente também erraram, pois são falíveis.








segunda-feira, 22 de agosto de 2011

PALMEIRAS X VASCO, QUINTA

Quinta feira estarei no Pacaembu para Palmeiras x Vasco.

Jogo da Sul-Americana.

Vasco tem a vantagem do primeiro jogo, quando fez dois a zero em São Januário.

Verdão tem esse desafio pela proa. Em resumo, não pode tomar gol de jeito nenhum, pois isso agravará a situação.

Galera alviverde vai ao estádio empurrar o time, com certeza.
Mas a tarefa é dificil, pela vantagem de dois gols do time cruzmaltino e pela atual fase vascaina.

Mas o jogo é jogado.

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

DOMINGO EM SALVADOR

Neste domingo transmito por Sportv/Premiére, Bahia x Santos, no estádio de Pituaçu, com público de 32 mil pessoas, pois todos os ingressos já foram comprados.

O jogo é às seis da tarde, horário de Brasilia.

Lä estarei com Mauricio Noriega, Ivan Andrade e Daniela Leone.

O tricolor da Boa Terra não pega o Santos desde 2003. Oito anos, portanto.

A última vez, em 2003, na Fonte Nova, tivemos um placar histórico: 7 a 4 para o Peixe, uma das maiores contagens da história do Brasileirão.

A última vitória do Bahia em cima do Santos foi há 11 anos, em 2000, um a zero na Vila Belmiro.

Neste momento a situação do time de Muricy Ramalho beira ao desespero, mesmo com dois jogos à menos na competição.
Nas últimas sete partidas da equipe santista, uma vitória apenas.

Desde a conquista da Libertadores, o Santos já fez 11 jogos e só venceu três.

Lá atrás, em 1959, Santos e Bahia produziram as finais da Taça Brasil, o Brasileiro daquela época, com três jogos super emocionantes. E deu o Tricolor baiano.

quinta-feira, 18 de agosto de 2011

HOJE EM SETE LAGOAS

Depois de Ipatinga, onde transmiti a vitória do Corinthians sobre o Galo, de virada, hoje vou a Sete Lagoas.

Às nove da noite tem América Mineiro e São Paulo, transmissão ao vivo do Sportv e PFC.
Lá estarei com os amigos Mauricio Noriega, Luciana Machado e Felipe Diniz.

O Coelho está na lanterna do campeonato enquanto o Tricolor precisa dos três pontos para não perder contato com a ponta da classificação.

O gramado da Arena do Jacaré é um dos melhores do Brasil, oferecendo totais condições para os profissionais da bola.

Ainda na rodada, Palmeiras x Bahia, no Canindé.
Há rumores da saída de Luiz Felipe Scolari. Incrivel como a turbulência ronda a Sociedade Esportiva Palmeiras.
O tricolor baiano precisa de pontos. Está incomodado com a proximidade da zona de rebaixamento.

Outro jogo é Flamengo x Atlético Goianiense.
Aparentemente o rubronegro é favorito, mas nesses jogos é preciso tomar cuidado e Vanderlei Luxemburgo sabe bem disso.
Ronaldinho Gaúcho voltando à Seleção e um dos artilheiros do Brasileirão.
Deve dar Flamengo.

Acaba hoje a penúltima rodada do primeiro turno.

segunda-feira, 15 de agosto de 2011

ESCALAS MEIO DE SEMANA

Quarta-feira estarei em Ipatinga para Atlético Mineiro e Corinthians.

O jogo é às 09:45 da noite.

Transmissão do Premiére FC e PFC Internacional.

Comigo na jornada, os amigos Mauricio Noriega e Josino Ribeiro.

O Galo mergulhado em crise e o Timão tropeçando nas rodadas recentes.

------------

Na quinta me deslocarei de Ipatinga para Sete Lagoas.

América Mineiro x São Paulo, nove da noite, transmissão Sportv para todo o Brasil, menos Minas.
Transmissão pelo PFC também para o estado de Minas Gerais.

Noriega, Felipe Diniz e Josino Ribeiro na parada comigo.

Coelho esboça reaçao no campeonato, o tricolor se sustenta entre os quatro primeiros.

É a décima sétima rodada do Brasileirão.

domingo, 14 de agosto de 2011

WALTER ABRAÃO, UM MESTRE

Perdemos há poucos dias Walter Abraão, um dos mais importantes jornalistas da história do rádio e da televisão nacionais.

Já adoentado há alguns anos, não conseguiu debelar uma terrivel doença e deixou o plano físico aos 80 anos de idade.

Deixou também belos registros de contribuição para a comunicação esportiva, à par de seu trabalho de narração, brilhante à partir da década de 60.

Nos tempos da TV Tupi, Walter teve idéias sensacionais e desbravadoras nas transmissões, como o replay, o vetê que tinha um aviso de quando ia sair um gol e a linguagem compatível com o veículo.

Comandava programas esportivos de debates com categoria, simpatia, além de liderar equipes com sobriedade e firmeza.

Pessoalmente, sempre foi um conciliador de fino trato.
Incentivou jovens profissionais, no rádio e na tevê.

Fazendo alguns pequenos trabalhos na televisão, mas narrando principalmente no rádio, me lembro de uma passagem com o querido Walter.
Estávamos em Campo Grande, MS, quando conversávamos atrás das cabines do estádio.

Walter me pegou pelo braço e disse que "meu negócio" era a tevê, que eu tinha jeito para o veículo. Tinha acompanhado alguns trabalhos meus, paralelamente ao rádio, e sentia que meu estilo poderia se casar perfeitamente com a televisão.

Aquela sentença do mestre narrador foi como um presente especial, pois era uma avaliação de alguém super competente.

Poucos anos depois fui guindado à televisão.

Minhas homenagens a Walter Abraão, pelo profissional que foi, mas principalmente pelo ser humano.

Na história da televisão brasileira, e na área do esporte, o nome de Walter está gravado com letras de ouro.





sábado, 13 de agosto de 2011

ALMOÇO COM O CRAQUE MÜLLER

Minha viagem para a Alemanha foi muito boa.

Fazia tempo que eu não pisava em solo alemão. Desde 1978, numa excursão da seleção brasileira pela Europa, quando o jogo foi em Hamburgo com vitória da nossa equipe por 1 a 0, gol de Nunes.

Fomos pela Lufthansa e voltamos pela Swiss, duas empresas que merecem elogios.
Pontuais e atenciosos, acima de tudo.

Almoçamos na véspera do jogo com Hansi Müller, à convite dos amigos Arnaldo César Coelho e Galvão Bueno. O ex-craque alemão é amigo de Arnaldo.
Lédio Carmona e Casagrande também à mesa.

Deu para conhecer um pouco da intimidade do antigo meio-campista germânico, hoje com 54 anos de idade, de bem com a vida e morando em Stuttgart.

Ele jogou as Copas de 78 e 82. Canhoto, técnico, deixou sua marca na história da seleção alemã, tendo jogado também na Itália e Áustria, depois.

Profundo admirador do futebol brasileiro, Müller fez questão de dizer que atuou quatro vezes contra o Brasil, e nunca venceu.

Galvão ligou para Júnior no Brasil e colocou o Capacete em contato com Hansi, eles que jogaram juntos e que mantém relacionamento de amizade até os dias de hoje.

Foi um momento muito agradável. Marcante.


quarta-feira, 10 de agosto de 2011

BRASIL X ALEMANHA EM STUTTGART

Dia de sol com possibilidade de chuvas esparsas aqui em Stuttgart.
Temperatura continua baixa.

Delegação brasileira tranquila no hotel Graf Zepellin, onde também se encontra a nossa equipe.
Jogadores circulam pelas dependencias do hotel tranquilamente, apenas com um pequeno acúmulo de admiradores no saguão. Brasileiros que moram na Europa.

O estádio, a Arena reformada de Stuttgart, fica a 10 minutos da concentração brasileira.
Gramado ótimo, estádio cheirando à tinta, agora sem a pista de atletismo, o que aproximou mais as arquibancadas do campo de jogo.

A nova Arena Gotlieb-Daimler é de propriedade da Mercedez Benz e fica no Parque do Rio Neckar.
Todos os 54 mil ingressos colocados à venda, foram adquiridos.

Sobre o jogo em si, incógnita.
Em toda a história do confronto há supremacia brasileira: 20 jogos, apenas três vitórias germanicas.

Brasil não atua em Stuttgart desde 1998.
Seleção alemã não joga na cidade há cinco anos.

Última partida entre brasileiros e alemães aconteceu em 2005, em Nuremberg.

Brasil só perdeu uma partida das últimas dez que jogou aqui na Europa: foram oito vitórias e um empate.

Que tenhamos um bom espetáculo.
Um dos maiores clássicos do futebol.

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

JÁ EM STUTTGART

Já estou em Stuttgart para o amistoso de quarta entre Alemanha e Brasil.

Cidade bonita e que não se contaminou com prédios altos, arranha-céus e neurose no transito.
Muito verde por aqui.

Chove um pouco, mas o sol predomina.
Temperatura entre 17 e 19 graus.

Aos poucos os jogadores que atuam na Europa vão chegando ao hotel Graf Zeppelin, onde nós do Sportv também nos encontramos.

O jogo é quarta, 3 e 45 da tarde, horário Brasilia.
Oito e quarenta e cinco, horário daqui.

Estou com os amigos e companheiros Lédio Carmona, Felipe Brisola, Andréa Cavalheiro, Rogério Romera, Anderson Uchoa, Luis Franco(Lufi) e Idival Marcusso.

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

BRASIL X ALEMANHA

Viajo neste domingo para a transmissão do amistoso Brasil x Alemanha na quarta-feira próxima, em Stuttgart, no sul alemão, uma cidade banhada pelo Rio Neckar.

Estarei acompanhado dos amigos Lédio Carmona, Felipe Brisola, Idival Marcusso, mestre Lufi, Rogério Romera, Andrea Cavalheiro, nossa produtora.

Mais um teste para Mano Menezes, mais um desafio para a nossa seleção, que não tem deixado o torcedor brasileiro satisfeito.

O jogo é às 15:45 horário de Brasilia, oito e quarenta e cinco da noite na Alemanha.

quarta-feira, 3 de agosto de 2011

TROFÉU BRASIL DE ATLETISMO, AO VIVO!

Deixo a bola do futebol à partir de amanhã e passo a cobrir o Troféu Brasil de Atletismo, ao vivo, pelo Sportv.

Quinta, sexta, sábado e domingo, cobertura completa do canal.

O palco é o estádio Icaro de Castro Mello, complexo do Ibirapuera, SP.

Além de todo o pessoal de produção, geração, coordenação, engenharia e apoio, estarei com Lauter Nogueira, André Domingos e Joanna de Assis nos microfones.

Quase 800 atletas em ação, 49 países convidados, 88 clubes e associações, entrada livre para o público.

É a trigésima edição do Troféu Brasil, mas a competição existe desde os anos 40, reunindo atletas e confraternizando, além de indices para grandes eventos internacionais, como Panamericanos e Olimpíadas.

Nesta quinta é a partir das quatro horas da tarde.

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

GUARANI X AZULÃO, AO VIVO.

Nesta terça feira vou a Campinas.

Nove da noite, série B, Guarani x São Caetano, ao vivo no Sportv, menos Campinas.
Ao vivo no Premiére FC inclusive para o local da partida.

Lá estarei com os amigos Mauricio Noriega, Ivan Andrade, André Hernan e Ailton Amalfi na coordenação.
Geração da equipe competente EPTV Campinas.
Mais toda a retaguarda Globosat/Rio de Janeiro.

À partir das sete e meia da noite participaremos do TÁ NA ÁREA, Sportv.

Duas equipes que andam mal na série B.
Bugre ficou nove rodadas sem vencer, mas reagiu nas duas últimas, ganhando.
Azulão vem de três empates seguidos. É a equipe que mais empatou no campeonato.

Nos bancos, Giba e Vadão, dois bons treinadores do nosso futebol.

BRASILEIRÃO ESTÁ ÓTIMO

É indiscutível o especial momento do Brasileirão.

Bons jogos, vários concorrentes ao titulo e ao G4.
Briga feroz de times para a fuga da zona de rebaixamento.
Muitos gols.
Jogos abertos.
Tá tudo muito legal.

No meio de semana mais uma rodada quente, com certeza.
Será a décima-quarta.

Corinthians x América Mineiro, Pacaembu.

Grêmio x Atlético Mineiro, duas equipes em crise.

Figueirense x Botafogo, em Floripa.

Ceará x Avaí, em Fortaleza.

Vasco x Santos, no Rio.

Cruzeiro x Flamengo, em Minas.

Coritiba x Palmeiras, no Couto Pereira.

São Paulo x Bahia, Morumbi, encontro de tricolores.

Fluminense x Internacional, no Rio.

Atlético-GO x Atlético-PR, em Goiânia.

Vêm fortes emoções por aí.