sexta-feira, 30 de junho de 2017

15 ANOS E A IMPORTÂNCIA DO FUTEBOL.

Fazendo 15 anos da conquista da Copa do Mundo pela Seleção brasileira.

Não viajei para esse evento e também não trabalhei na retaguarda.

E foi nesse Mundial que percebi que meu enfoque-futebol estava mudando e que somente a minha atividade profissional é que se mantinha inalterada na sua finalidade.

Minha família é testemunha que nessa Copa de 2002 eu somente assisti à final.

Os jogos sendo na madrugada, e sendo eu um preservador da minha saúde e de precisar dormir as 8 horas normais em período condizente com meu relógio biológico, os demais jogos do Brasil eu não vi.

No dia seguinte acompanhava os lances, os gols, os comentários dos colegas, mas "ao vivo" só vi a decisão contra a Alemanha.  * E ainda porque aconteceu às 8 da manhã ( se não me engano ).

Faço esse comentário para alertar às pessoas que priorizam o futebol em detrimento das demais atividades sociais.
Há quem troque a grande responsabilidade da família unida por paixões a clubes de futebol.

Há quem coloque o futebol à frente do trabalho, da educação e tudo mais.

E o resultado disso é sempre ruim.
Famílias com rompimentos por causa de times de futebol, amizades desfeitas e até o pior, mortes.

É evidente que devemos respeitar os amores e as paixões das pessoas, mas o alerta precisa ser dado quando detetamos fatos ruins que envolvam relacionamentos mais sérios e compromissados.

O futebol é um esporte maravilhoso, legal de ser visto, acompanhado, diverte, entretém, mas é APENAS um esporte.
Ele é profissional para quem é profissional e vive dele.

Sem falarmos dos bastidores, que geralmente são perniciosos, aéticos, perversos.

Não vale a pena sofrer por algo que é apenas uma diversão.

Vista a camisa do seu time, acompanhe-o, vá aos estádios, ouça o rádio, veja pela TV, brinque com os familiares e amigos, MAS conscientize-se da relativa importância que ele tem em nossas vidas.

Nada é mais importante que a saúde, o núcleo familiar, o trabalho, a escola, e tudo mais.

Não comprometa tudo isso por causa do futebol.













Nenhum comentário:

Postar um comentário