sexta-feira, 25 de novembro de 2016

ROGÉRIO CENI VAI DAR CERTO ?

A pergunta que mais acontece:  Rogério Ceni vai dar certo como técnico?

A resposta mais equilibrada:  Ninguém pode saber.

Futebol é a modalidade onde menos se pode cravar resultados.
Não basta conhecer a fundo as táticas do jogo e nem ter jogado muito.
A integração de ex-jogadores à carreira de técnico não é tão simples.

Manda a cartilha que todo ex-jogador deva estudar e fazer estágios antes de assumir equipe profissional.
Diz também que o ideal(?) é ele se iniciar nas categorias de base.

Se recorrermos a exemplos já vivenciados, teremos inúmeros casos de ex-atletas que deram certo como treinadores sem qualquer preparação na base e haverá os que estudaram, fizeram estágios e não obtiveram exito.

Aqui no Brasil sabemos da inquietude de torcida, imprensa e dirigentes, quando os resultados não ocorrem.
Pedimos por "tempo de trabalho" aos técnicos, mas a realidade sempre se impõe e com a pressão geral, nenhum treinador resiste.

Na Europa já foi diferente, mas também eles têm sucumbido às pressões e têm demitido treinadores com pouco tempo de trabalho.

Portanto, o caso de Rogério Ceni requer cautela na análise de projeção.
Ter prudência ao analisar o seu inicio de carreira é ser sensato.

Se a diretoria tricolor agiu por questões políticas ou não - haverá eleições em março - a verdade é que nem ela sabe se agiu acertadamente contratando o grande ídolo do clube.

Os cartolas do São Paulo fazem uma aposta.   E o próprio Rogério Ceni sabe disso.

Às vezes, e principalmente no futebol, ficar em cima do muro ( como se diz ) é ser prudente e respeitar as nuanças desse esporte imprevisível.

Estou aqui em cima do meu murinho só observando e preferindo aguardar a bola rolar para o Tricolor sob o comando de Ceni.

E isto não quer dizer que estou contrário à contratação.  Absolutamente.
Por natureza sempre torço para o sucesso de todos.
Todos tendo sucesso a paz se instaura.
E dela, a Paz, estamos todos precisando muito.







Nenhum comentário:

Postar um comentário