sexta-feira, 6 de maio de 2016

SINALIZADORES

As ditas torcidas organizadas continuam levando sinalizadores aos estádios.

Os árbitros registram na súmula e os clubes continuam recebendo punição.

Pergunta-se, então, como eles conseguem entrar com esses artefatos nos estádios já que existe a inspeção prévia do policiamento?

Em janeiro de 2013 eu transmitia um jogo da Copa São Paulo de juniores em Araras onde o Corinthians estava em campo, e por causa desses sinalizadores o jogo teve um grande atraso em seu início.

Registrei meu protesto naquela oportunidade pelo Sportv e recebi muitas criticas de torcedores do Corinthians pelas redes sociais.

Fui rotulado de velho, ultrapassado, anti-corintiano e tudo mais.
Diziam que os fogos dão vida ao espetáculo, blá blá blá......

Semanas depois daquela partida pela Copinha em Araras aconteceu a tragédia de Oruro onde o menino Kevin Espada foi atingido por um sinalizador e perdeu a vida.

*É claro que não recebi nenhuma mensagem reconhecendo a minha preocupação com os sinalizadores e os riscos que todos correm quando eles são acionados.

No jogo entre Corinthians x Nacional do Uruguai na última quarta-feira as organizadas alvinegras repetiram os sinalizadores, retardaram o inicio do jogo, poluíram o ambiente e certamente colocaram pessoas em risco no estádio.

Não acho que os espetáculos de futebol ficam mais bonitos com os fogos de artifício.
Nunca achei.
São perigosos, além de poluírem um ambiente onde os profissionais/atletas precisam de oxigênio puro para o desempenho de sua atividade.
E não só os atletas, mas todos precisam respirar livremente.

Continuo condenando quem se utiliza dos sinalizadores em estádios/arenas.

E sigo indignado com a facilidade com que esse pessoal adentra os estádios levando um arsenal desses perigosos artefatos.











Nenhum comentário:

Postar um comentário