sexta-feira, 4 de março de 2016

LIMPAR A CASA É A ORDEM.

Fora do esporte.

O Brasil vive momento tensos, muito delicados.

Além de todos estarmos pedindo ação firme e forte das autoridades policiais e judiciárias contra quem vilipendia o País, não dá para comemorar absolutamente nada.

Ao mesmo tempo em que torcemos para que os envolvidos sejam julgados e se for o caso, punidos, é triste chegarmos a esse ponto na vida brasileira.

Quanta podridão no ar.

Podridão ética, moral, tudo o que há de pior está ocorrendo todos os dias.

O lado bom é que a depuração acontece.
Sofremos com o desgaste da imagem nacional porém não há como curar o mal maior com remédios brandos.
Remediação amarga é imprescindível quando a doença é grave.

E cabe a nós, aqui do lado de baixo da casta, levantar a bandeira do Brasil e defendê-la com total afinco e exclusividade.

Neste momento agirmos com pendência partidária é jogar contra a Nação.

Precisamos levantar a bandeira da verdade, da apuração dos fatos e de sanear o país.

Quem tiver de ser punido deverá sê-lo.
Os absolvidos seguirão sua vida normal e com ficha limpa.

Devemos colocar a mão na consciência e ajudar a limpar o Brasil dos aproveitadores, usurpadores do patrimônio público ( o dinheiro do povo que paga os impostos ).

Pedimos tanto a todo momento que os crimes sejam combatidos e nessa hora não podemos ser incoerentes e contestar quem está tentando combater quem está agindo fora da lei.

Sou brasileiro e quero um País limpo, saudável, honesto por parte dos homens públicos.

Sejam eles de qual partido for.




Nenhum comentário:

Postar um comentário