domingo, 6 de outubro de 2013

13 ANOS SEM "O PODER DA MENSAGEM"

No dia 6 de outubro de 2000 desligava-se das energias do Planeta Terra, José Magnoli.

Batizado como José Magnoli, mas que depois se transformou em HÉLIO RIBEIRO.
Um dos mais talentosos comunicadores que conheci.
Fez do rádio um veículo mais importante ainda.
Inovou, deu valor ao rádio, emocionou com suas mensagens e maravilhoso bom gosto musical.

Às pessoas acima da média, em qualquer atividade, costumamos chamar de GÊNIOS, e Hélio Ribeiro foi um gênio da comunicação.  Do rádio, mais especificamente.

E como todo gênio, temperamental.
Foi incompreendido em vários momentos da sua vida e carreira.
Mas tinha nas veias a criatividade talentosa.

Tive a honra de ser colega de Bandeirantes na sua segunda passagem pelo Morumbi.

Hélio não foi somente o idealizador e o apresentador do PODER DA MENSAGEM, que marcou no rádio brasileiro como um dos mais inteligentes programas da história.
Hélio revelou tantos e tantos profissionais.
Valorizou quem trabalhava e não "aparecia".  Pessoal da área de produção e técnica, por exemplo.

Sua capacidade de criação era tamanha que morou e trabalhou por vários anos nos Estados Unidos.
Tudo o que sabia não podia ficar restrito a um único País.

Hélio fez rádio como ninguém, escreveu livros, idealizou projetos fantásticos, colocou sua voz em filmes, fez amigos e inimigos ( como é da vida ) e o mais importante: construiu uma linda família.

Minhas homenagens a HÉLIO RIBEIRO ( José Magnoli ).

Ele tinha o PODER DA MENSAGEM !!!






Um comentário:

  1. Este texto aqui, foi lido por mim, por você aí e... por você também.
    Foi lido na Mooca, na Lapa, em Curitiba, no Rio de Janeiro...
    Foi lido também em Minas Gerais... no Ceará, Rio grande do Sul e em muitos outros lugares do planeta...

    ResponderExcluir