quinta-feira, 16 de maio de 2013

NILTON SANTOS - 88 ANOS

Um dos maiores jogadores da história do futebol está completando 88 anos de vida terrena.

NILTON SANTOS.

Lateral-esquerdo, clássico, altamente técnico, vestiu a camisa do Botafogo somente por AMOR ao clube e recebia os salários porque tinha de sobreviver.
E em tempos que o dinheiro era curto no futebol.
Foi um gigante com a camisa da Seleção Brasileira.
E fora de campo um aconselhador de meninos que enveredavam pelo caminho da luxúria.

Um desses garotos se chamava MANÉ GARRINCHA.
Seu amigo íntimo.
Orientou o Mané em tudo o que foi possível, mas ainda assim não conseguiu livrá-lo da bebida.
Deu assistência ao amigo Garrincha até os últimos dias do gênio das pernas tortas.

Nilton Santos sempre foi muito direto em sua filosofia de vida.

Me lembro de ter lido uma entrevista dele com a amiga Joanna de Assis e ao ser interpelado sobre o seu lado religioso, Nilton disse: "Minha religião é FAZER O BEM".

Assim é Nilton, hoje e já de algum tempo fragilizado física e mentalmente.

Ele nunca foi de querer aparecer, sempre procurou trabalhar e viver de maneira simples e modesta.

Um exemplo de vida.

À par de ter sido um dos maiores jogadores que vi atuar.

Vestiu 82 vezes a camisa da seleção brasileira, quando o nosso selecionado ainda era puro, livre de intervenções comerciais e de interesses escusos.

A qualquer momento terminará a missão terrena dele, mas ficará a sua história honrada de cidadão e de atleta de futebol.




Nenhum comentário:

Postar um comentário