terça-feira, 5 de março de 2013

A COPA DA FRANÇA PELA BAND

O amigo Bruno de São José do Rio Preto me pede pelo twitter para escrever algo sobre a Copa do Mundo de 1998 realizada na França.

Certamente me esquecerei de alguma coisa, Bruno, mas das minhas lembranças vou discorrer sobre a nossa participação integrando a equipe da TV Bandeirantes.

Foi a última Copa da Band sob o comando de Luciano do Valle à frente da equipe, desde que assumiu no finalzinho de 1983 ( mas ele só pôde estrear em 1984 por força de contrato que tinha com a Record ).

Me lembro que ficamos em um hotel bem perto do Centro de Mídia, onde também ficaram os colegas da Rede Globo e demais emissoras brasileiras.
Por estarmos no mesmo hotel que a Globo, havia nos apartamentos o "sinal" da programação da emissora em tempo real.  Respeitando-se o fuso horário, evidentemente, assistíamos à tudo que a Globo colocava no ar.

No bar desse hotel a Band apresentava um quadro com as presenças de Armando Nogueira, Paulo Henrique Amorim e convidados, todos os dias.
Os ex-jogadores que integraram aquela equipe foram Rivellino, Gerson, Bobô, Zito.
Os comentaristas eram Juarez Soares, João Zanforlim, Armando Nogueira.
Nós, locutores: Luciano, Silvio Luiz, Marco Antonio, Nivaldo Prieto e eu.
Me lembro de Carlos Eduardo Lino ao lado da Seleção Brasileira integrando nosso time de repórteres.

Assim como em eventos internacionais anteriores, a Band dispunha de um avião com capacidade para oito lugares, um jatinho da TAM, que fazia os percursos mais longos, como por exemplo transmissões em Marselha.
Os demais trechos fazíamos com toda a rapidez, conforto, eficiência e pontualidade do Trem Bala.

Outra lembrança que tenho desse Mundial é que em Paris podíamos ouvir as transmissões dos jogos em português através de uma emissora local em FM, com a programação da Rádio Bandeirantes/SP.
Em resumo, nos sentimos em casa.

Meses depois muitos profissionais foram demitidos da tevê Bandeirantes por conta de uma total mudança de direção no departamento de esportes.
E em janeiro de 1999 fechei minha passagem pelo Morumbi depois de 19 anos, onde só fiz amigos, felizmente.
Foram 3 anos e meio de rádio e o restante pela televisão da família Saad.

É evidente que devo ter me esquecido de nomes e de fatos, mas ao de leve toquei no que ocorreu há quase 15 anos em terreno francês.
Foi a minha sexta Copa do Mundo no local.
Em 2002 eu estava no Sportv mas não era efetivamente contratado e não pude viajar.
2006 optei por ficar cobrindo a Copa no Brasil.
O mesmo ocorreu em 2010.
Mas em 2014, se tudo correr bem, quero fechar meu ciclo de coberturas em Mundiais através do Sportv.










Nenhum comentário:

Postar um comentário