quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

LUIZ NORIEGA

De uma geração onde o jornalismo esportivo era levado mais a sério, LUIZ NORIEGA nos deixa fisicamente aos 83 anos.

Pautou a vida pela seriedade, ética e dedicação ao bom jornalismo.
Pautou a vida pelo amor à família.
Cumpriu as missões com elegância e competência, muita sabedoria.

Com tanto sangue do esporte e do jornalismo nas veias, era inevitável que seu filho Maurício também enveredasse pelo mundo dos bons textos, de comentários sérios e abalizados, e da postura pessoal ética e responsável.

Convivendo com Maurício pelo Sportv há 10 anos, testemunhei o amor, o respeito e a admiração do filho pelo pai Luiz.
Quando vieram as internações e as preocupações com a saúde do velho pai, cerca de 4 meses atrás, o amigo Mauricio se transformou e se impacientou profundamente.
Via-se em seus olhos o medo, o desconforto em saber que algo triste estava por acontecer.
O pai, o guia e a grande referência estavam indo embora.

Assim como na vida toda, Luiz também em seus últimos momentos de vida física se mostrou um guerreiro, lutador, demonstrando sua força espiritual.
Vários desafios se apresentaram e o velho Luiz sempre esperançoso e disposto a enfrentá-los.
Mas os Desígnios Maiores prevalecem, preponderam, pois há uma programação divina para todos nós.
Embora ainda não entendamos os "porquês", a Lei Maior é quem determina e devemos ter humildade em respeitá-la e admiti-la.

Para nós, jornalistas que trabalhamos no esporte, Luiz Noriega representou muito bem o que é ser um profissional da área.
Narrava com precisão e respeito aos que estavam envolvidos no espetáculo.
Comentava asperamente, quando necessário, mas sempre esbarrando nos limites da ética.
Nos papos fora do ar com jornalistas ainda inexperientes, deu lições preciosas de como se conduzir.

E o que é mais importante na vida: tirou NOTA DEZ como homem da família.
Filho, pai, avô, esposo, sogro, irmão, tio, cunhado, enfim, desempenhou todos os papéis com sabedoria.

Que um lindo Caminho de Luz esteja sendo aberto neste momento para esse irmão querido.
Que Novos Caminhos se lhe apresentem.
Que fique a saudade, a saudade boa, mas que nunca morram as boas lembranças de quem passou pela Terra com dignidade.

Até um dia, Mestre Noriega!



7 comentários:

  1. Sempre muito bem nas palavras, Jota, parabéns. Evidentemente não peguei a época do Luiz pois nasci em 1981, mas contente fico por ter assistido muita coisa boa transmitida por ele graças às tantas reprises pela Cultura nas duas últimas décadas. Mais um profissional de linguagem e postura elegante que nos deixa, mas cuja herança pra crônica esportiva é muito boa através da categoria do Maurício nos comentários.

    ResponderExcluir
  2. Valeu, Edu.
    Noriega foi um mestre na vida e na arte do jornalismo.
    abraço.
    jota

    ResponderExcluir
  3. Jota, o texto é emocionante. Realmente, Noriega era genial. Transmita ao Maurício, por favor, um abraço do tamanho do mundo dos fãs que ele deixou por aqui.

    Obs.: "Quando vieram as internações e as preocupações com a saúde do velho pai, cerca de 4 meses atrás, o amigo Mauricio se transformou e se impacientou profundamente.
    Via-se em seus olhos o medo, o desconforto em saber que algo triste estava por acontecer.
    O pai, o guia e a grande referência estavam indo embora." Aqui você pegou na veia, Jota. É de arrepiar e de sentir dor alheia pelo sentimento do Maurício.

    ResponderExcluir
  4. Prezado Jota, boa noite. Estive no velório do Mestre Luiz Noriega, troquei um abraço forte com o nosso Amigo Mauricio Noriega e desejei que ele tenha muita força nesta hora. Ao ler sua postagem, gostei tanto que copiei no meu Facebook. Parabéns.

    ResponderExcluir
  5. Jota

    Vejo que vc voltou com o blog. Ótimo. Você é referência do BEM e não deve fugir das missões que lhe são passadas pela espiritualidade.

    Por intermédio de seu blog tomei conhecimento da passagem para o andar de cima de nosso companheiro e amigo Wilson de Freitas.

    Consternadamente também registramos a passagem do velho Noriega para o plano espiritual.

    Através de meu blog, já prestei as merecidas homenagens aos dois companheiros.

    Quanto a nós, Deus concedeu-nos a especial graça de sermos protagonistas de mais um ano (2013)

    Sem dispor de seu e-mail, aproveito este espaço para desejar-lhe e a toda a sua família um ano novo de muita paz e alegria, repleto de realizações.

    Abs

    AD

    ResponderExcluir
  6. Muito obrigado, Alcides.
    Votos também de um Novo Ano sereno e tranquilo para você e todos os seus entes queridos.
    Saúde, Paz e Realizações!!!!

    * meu email à sua disposição: jose777junior@hotmail.com

    grande abraço do Jota.

    Obrigado.

    ResponderExcluir