terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

PALMEIRAS x XV DE PIRACICABA, AO VIVO!

Nesta quarta-feira a escala me manda para o Pacaembu.

Palmeiras x XV de Piracicaba, dez da noite, sexta rodada do Paulistão, ao vivo pelo Premiére, PFC Internacional e Premiére HD.

Esse duelo já foi uma decisão do Paulista em 1976. O Verdão ficou com o titulo e o NhoQuin com o segundo lugar, o vicecampeonato.

Depois de quase 17 anos o Quinze volta a disputar a Primeirona estadual e a enfrentar o Palmeiras pela competição.
* houve em 2010 um amistoso em Piracicaba.

Palmeiras vem num embalo de 11 jogos sem derrota.
São cinco jogos de 2011 e o restante neste ano que estamos vivendo.

Falando do Alvinegro piracicabano acabo me lembrando de grandes nomes que vestiram essa gloriosa camisa em tempos idos.
Os goleiros Canarinho, Claudinei Freire, Tobias, Doná.
Os zagueiros Dema, Cardinale, Bastos, Ademir Gonçalves.
O saudoso Chicão, que depois jogou pelo São Paulo, Atlético Mineiro, Ponte Preta, Seleção Brasileira na Copa de 78.
Me lembro de Muri, um excelente meio-campista.
Pianelli, também jogador de meio de campo.
Nardella, que depois foi jogar em Santa Catarina e fixou residencia por lá.
Gatão, grande meia.
Piau, ponta esquerda que depois jogou pela Portuguesa.
Nicanor de Carvalho.
Paulinho Idiarte, que foi goleador no Vasco ( o pai dele também jogou pelo XV ).
Mazzola nos anos 50, o Altafini, depois Palmeiras, Seleção Brasileira e futebol italiano ( até hoje vive na Itália como comentarista em televisão ).
De Sordi, lateral direito campeão do mundo pela Seleção.

E tantos outros, tantos outros....
Certamente me esqueci de vários nomes.

E o eterno presidente do NhoQuin, saudoso Romeu Ítalo Rípoli, que nas décadas de 70 e 80 comandou o time e agitou o futebol paulista com suas ardentes declarações.
Ripoli peitava os homens da Federação e defendia fortemente o futebol do Interior.

No jogo desta quarta no Pacaembu estarei com Müller e Ivan Andrade, mais todo o time de geração, produção e coordenação.

2 comentários:

  1. Jota e vc nao pode esquecer ainda que Piracicaba nos deu grandes astros e estrelas,como Roberto Morais e Luis Carlos Quartarollo, respectivamente Miss e Miss Simpatia em concurso local, nos anos 80. rsrsrsrsrs

    Rogério Assis

    ResponderExcluir
  2. Canhão, bem lembrado, bem lembrado...rsssss

    Me esqueci também do goleiro Fernandes, que brilho nos anos 60.

    E tantos outros, como Ladeira, que faltou no artigo.

    abraço.
    jota

    ResponderExcluir