segunda-feira, 26 de setembro de 2011

A SEMANA E O PALMEIRAS

Semana sem Brasileirão no meio, mas com Brasil x Argentina em Belém, Copa Sulamericana, meninas do basquete na Colômbia buscando a vaga olímpica, além da série B que está quentissima.

Destaco no futebol a crise que parece permanente do Palmeiras.
Incrivel a turbulência pelos lados do Palestra.
Uma forte corrente quer a saída de Felipão, que por sua vez continua alfinetando dirigentes e se comportando profundamente irritado durante os jogos.

Parece que não há paz no Verdão.
Algo diabólico.
Quando se dá um tempo nas discussões e intrigas, algo aparece e vira o mundo alviverde de cabeça para baixo.

Dificil dizer se o treinador vai continuar, mas pinta claramente que o ciclo do gaúcho Scolari está no fim à frente do Palmeiras.

Mas o torcedor palmeirense sabe que não basta tirar o técnico.
O buraco é mais profundo.

Encontro o aficcionado do Verdão e vejo nos olhos uma profunda tristeza e uma tremenda falta de esperança.
Algo que deprime.

E é uma pena, claro, pois o Palmeiras faz parte da rica história futebolística mundial, com grandes conquistas e grandes craques, em todos os tempos.

Assim como o Palestra Itália foi demolido para uma grande reconstrução e se transformar num dos estádios mais bonitos do País, que o futebol alviverde também seja totalmente reestruturado.
O futebol brasileiro não pode prescindir da tradição e história da Sociedade Esportiva Palmeiras.

2 comentários:

  1. Jota

    Deixei um comentário longo sobre este assunto. Não foi aprovado? Abs (AD)

    ResponderExcluir
  2. Alcides, não recebi seu comentário.
    Jamais reprovaria suas sempre importantes e atinentes observações.
    Houve outro caso de comentário reclamado, que foi enviado e que não chegou até mim.
    Lamento.
    abraço.
    jota

    ResponderExcluir