quinta-feira, 1 de julho de 2010

VENTO, JABULANI.......

É amanhã que saberemos se o Brasil prossegue na Copa, ou não.

A tendência é que a seleção brasileira vá em frente.
Aqui tem um pouco de torcida, mas também o fato de termos uma equipe mais talentosa.
Um pouco mais talentosa.

Os holandeses têm Van Persie, Sneider, Robben, Kuyt, De Jong, um bom goleiro.
É jogo onde muitos talentos estarão reunidos.
Frente a frente.

Não teremos a aplicação tática de Elano em campo, além de ser um jogador que define bem, finaliza bem.

É o tipo de jogo em que o derrotado sairá de cabeça erguida da Copa.
No caso do Brasil, uma desclassificação sempre repercute mais, porém perder para essa seleção da Holanda, nos dias de hoje, é algo perfeitamente normal.

O jogo é num local que se chama "a cidade dos ventos".
Vento com a irregular Jabulani, é um perigo.
Perigo maior para os goleiros.
Para os chutadores é pegar de jeito nela e deixar os goleiros se virarem.

Mas ninguém irá perder ou ganhar, exclusivamente por causa da bola, ou do vento.

Choque de invictos.
Holanda não perde há 1 ano e nove meses.
Brasil não perdeu nos últimos 10 jogos que disputou.

O juiz é um dos melhores dessa Copa, o japonês Yuichi Nishimura.

2 comentários:

  1. Gostaria de um cometário seu sobre "O juiz é um dos melhores dessa Copa, o japonês Yuichi Nishimura.". Foi um ironia certo?

    Eu não vi nenhum jogo desse juiz antes, mas se ele apitou alguma coisa antes disso, hoje ele jogou fora tudo que ele fez de bom. Ruim, sem critério, não teve culpa na nossa desclassificação, mas estragou o espetáculo.

    ResponderExcluir
  2. Magux, não foi ironia não.
    Trabalhei em dois jogos desse juiz japonês e ele realmente foi muito bem.
    Como achei também normal a atuação dele no jogo de hoje.
    Não perdemos por causa dele.
    Antes de reclamarmos da arbitragem, prefiro reconhecer o mérito dos holandeses e os nossos defeitos.

    abraço
    jota

    ResponderExcluir