segunda-feira, 1 de março de 2010

A MESMA LADAINHA

Só tenho acompanhado as coletivas pós-jogo por questões profissionais.

A ladainha é a mesma, sempre.

Técnicos que perdem continuam reclamando das arbitragens, botando toda a culpa nelas.

Técnicos vencedores nem tocam no assunto arbitragem.

São lances de um oportunismo intrigante.

As respostas são convenientes para aliviar os erros dentro de campo.

Na cabeça dos técnicos perdedores, somente os juizes são os responsáveis pelas suas derrotas.

Os gols perdidos pelos atacantes, os erros táticos, as falhas do meio de campo e da defesa, não são levados em conta nas derrotas.

Digo que é oportunismo, para não dizer que é covardia dos treinadores que perdem.

5 comentários:

  1. JOTA

    Saudações!

    Bela abordagem...que cultura mais covarde... justificar derrotas pelos erros de terceiros...
    As regras do futebol são muito subjetivas e admitem muitos "ses" ao resultado do jogo. Aliás, quando será que a FIFA vai pensar em ser menos arcaica e implementar algumas mudanças para diminuir as discussões... 2 árbitros, recursos de vídeo, alterações em algumas regras(suprimir o impedimento indiscriminado, laterais com os pés, enfim, algumas outras tentativas poderiam ser incluidas nestas minhas humildes sugestões para modernizar a modalidade...) mas, não! Os conservadores acham que o futebol perderá o "glamour", será o fim do "bate papo" no boteco após ao jogo... balela! O pessoal vai ao bar pela cachaça... assunto "pinta" na hora!
    O Volei é um dos exemplos que apresenta mudanças constantes e tem sempre muito público e desperta grande interesse dos espectadores.
    Mas, para que trabalhar esses detalhes? Mais fácil colocar a "culpa" nos árbitros... afinal eles nunca contentarão à todos mesmo!!!
    Desculpe a extensão do comentário, mas, este assunto me empolga, pois é um dos "pontos nevrálgicos" do futebol...

    Forte abraço e boa semana... 4ª tem Barão...

    PAULOFILÉ

    ResponderExcluir
  2. Concordo plenamente, Filé....

    É uma pena que Mano Menezes também esteja se "revelando". Uma pena, pois é um ótimo treinador, merecedor até de especial atençao da CBF para o futuro.

    Treinadores brasileiros ( não todos ) não podem ser "torcedores" no banco durante os jogos.

    Torcedor pode se manifestar apaixonadamente nas arquibancadas, treinador é profissional e precisa se cuidar.

    Sorte pro Quinzão.

    abraço

    jota

    ResponderExcluir
  3. Olá Jota!
    Não porque eu seja santista, mas o Mano que costuma ser sensato, dessa vez estrapolou. Ficou de cabeça quente e falou bobagem. O Santos pelo menos no 1° tempo jogou muito, depois brincou um pouco e quase entrega o ouro. O Dorival precisa corrigir isto. De resto não teve jeito, a molecada deu show. Só precisa parar de fazer graça, no mais tô satisfeitissima (rsrsrs).
    Bjs! Silmara

    ResponderExcluir
  4. Olá Jota
    No blog Rancho do Tonicão a partir de hoje quando você postar uma noticia em seu blog, haverá uma chamada da matéria no Rancho e o internauta pode linkar com seu blog, que aliás é muito bom. A matéria " A mesma ladainha" já está linkada. Eu é que faço essas coisas prô Tonicão.
    Aliás, o Tonicão está mandando um abração p/ vc.
    Jotinha, um beijo carinhoso no seu coração.
    Vovó Donalda(secretária e redatora)

    ResponderExcluir
  5. Poxa, Vovó Donalda, que grande noticia a senhora me dá.
    Que honra pra mim.

    Manda um amplexo pro Tonicão também, por favor....

    Estou sempre ligado no Rancho, espetacular, por sinal.

    Obrigado!!!!

    beijo pra vó....e pro Tonicão SÓ um abraço...rssss

    jota

    ResponderExcluir