sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

E SE O CORINTHIANS PERDER ?

Outro dia me perguntaram: e se nada der certo para o Corinthians?

É claro que há essa possibilidade, pois afinal, futebol é um jogo, além de planejamento, investimentos, talento e etc.

Ouvi hoje o importante diretor do Timão, Mário Gobbi, dizer que se o Alvinegro não ganhar a Libertadores ele teme por incidentes violentos por parte da torcida.

Ninguém quer ou espera reações violentas dos torcedores, é evidente, mas do jeito que está o mundo....

O futebol apaixona as pessoas e as faz perder o bom senso muitas vezes.

Isto aliado ao já temperamento explosivo de algumas pessoas, resulta em episódios lamentáveis, de tantos que temos acompanhado.

Por isso é bom que a galera corintiana vá se preparando para o sucesso, e também para uma suposta decepção.

As contratações corintianas foram boas, o treinador é bom, o planejamento parece ser substancioso, dando a entender que a caminhada será produtiva.

Mas é bom ficar preparado para as aprontadas do futebol.

E as declarações de Gobbi hoje deixam exatamente clara a preocupação da diretoria quanto a um possível fracasso.

Que os corintianos mais frios e equilibrados preparem os mais apaixonados para a possibilidade de insucesso.

Não se trata de agourar a caminhada corintiana na temporada, por favor entendam, mas de uma posição firme e concreta sobre as nuances do futebol.
A expectativa por conquistas no ano do centenário é tão grande, que é preciso o alerta.

2 comentários:

  1. Jota
    Sou corintiano e acho que pelas expectativas criadas neste ano não haverá meio termo, ou será o ano mais festivo da história do time com o titulo da Libertadores ou será o mais triste caso o titulo não venha. Pelo menos o técnico é competente e sereno não gosta de se aparecer como outros seus colegas e o time é muito bom e experiente. Resta a Fiel torcer e saber o limite até onde o futebol pode influenciar a nossa vida seja nas vitórias ou nas derrotas. A imprensa também tem que saber os seus limites pois não pode a custa de obter indices de audiências fazer exageros nas coberturas, pois infelizmente muitos torcedores alienados são facilmente influenciados.
    Abraços
    Roberto Carlos

    ResponderExcluir
  2. Corretíssimo o seu posicionamento sobre o tema, Roberto.

    Me preocupo muito com o nosso comportamento, tendo microfones, cameras e espaços como temos.
    Há exageros, infelizmente, e isto pode incitar aqueles ainda sem equilibrio no comportamento.

    Vamos torcer para que tudo corra bem, em todos os sentidos.

    abraço e bom fim de semana, amigo.
    jota

    ResponderExcluir