quarta-feira, 3 de junho de 2009

NOITE DE COPA DO BRASIL

Saem hoje os finalistas da Copa do Brasil.

Muita gente apostando que teremos Internacional e Corinthians na decisão.

O Colorado pega a pressão do Couto Pereira ( mais o frio ) porém abriu uma vantagem significativa em Porto Alegre, além de ter mais qualidade técnica.

A tarefa do Coritiba é ingrata diante dos 3 a 1 sofridos no Beira-Rio. Entra na ponta dos pés, porque precisa atacar e sem poder tomar um gol sequer.

Renê Simões e Tite são meticulosos, estudiosos e certamente oferecerão um belo espetáculo tático hoje na capital paranaense.

No Pacaembu, o Vasco vai precisar se superar.

Sabe que o alvinegro paulista tem mais recursos técnicos e que contará com 34 mil vozes empurrando. O técnico Dorival Júnior sabe dessas dificuldades e deve ter montado uma arapuca para Mano Menezes.

Teremos a volta de Ronaldo, que não marcou nas últimas três partidas em que atuou. O Fenomeno diz que está com fome de gols. Indiscutivelmente, o atacante é uma atração especial.

Noite de Copa do Brasil, portanto.

Vamos checar.

4 comentários:

  1. Boa tarde Jota,
    Tudo bem?

    Ontem à noite estive assistindo um video em casa da campanha completa do São Paulo F.C. na Supercopa, em 1993. Assisti todos os jogos. Aliás, que timaço aquele comandado pelo Telê Santana, (Saudades), pois naquela época eu tinha 10 anos de idade, mas já apaixonado pelo futebol, e com uma quda pelo tricolor paulista para ser mais preciso, enfim. Alguns dos jogos foram narrados por você, ainda no tempo de Tv Bandeirantes, certo? A minha dúvida é, por onde anda o comentarista Eli Coimbra? Sabe me dizer?

    Um grande abraço.

    Fernando Richter
    www.pbcomfernandorichter.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Para o hoje, não tenho dúvida na classificação do Corinthians diante do Vasco. Assim como acredito também na classificação do Inter de Porto Alegre.

    Grande abraço,

    Fernando Richter

    ResponderExcluir
  3. Fernando, Ely Coimbra já faleceu. Faz uns oito, dez anos, mais ou menos. Foi um grande profissional e um grande amigo. Um irmão.

    Abraço, amigo.
    jota

    ResponderExcluir
  4. Infelizmente!

    Aliás, Jota, aquela equipe da Bandeirantes era muito boa. Na época não dava muito valor, eu era muito garoto, mas hoje, assistindo aos vídeos posso dizer o quanto faz falta uma equipe tão boa como essa. Calro que, na Sportv, por exemplo, a equipe é muito boa e fica cada vez melhor. Sou muito fã do seu trabalho, além de gostar muito dos profissionais André Rizek (meu ex-editor no Jornal da Placar), Maurício Noriega e Milton Leite.

    Grande abraço, Jota.
    Fernando Richter.

    ResponderExcluir