terça-feira, 19 de maio de 2009

CADA UMA...

Vejo na televisão uma matéria onde o lateral Juan, do Flamengo, protesta com o técnico por haver treinamento em dois períodos.

Que insubordinação.

Cuca disse a ele que podia deixar o treino e ir para casa.

Juan saiu de campo, demorou um pouco nos vestiários, mas voltou ao gramado.

Cada uma.....

9 comentários:

  1. E tem gente que briga por causa de um jogo de futebol !!!!!

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde meu amigo, Jota.

    Tudo em paz com você? espero que sim.

    Inacreditável... Queria ver uma atitude dessas se, ao invés do Cuca, fosso o Mestre Telê. Duvido. O jogador não vestiria mais a camisa do clube.

    A grande verdade é que muitos "jogadorzinhos" acham que podem tudo. Será falta de comando do técnico ou pura impunidade?

    Ou será então que , por motivos obvios, clubes e técnicos se tornam cada vez mais refem de jogadores de futebol?

    Isso dá uma boa discussão...

    Grande abraço,

    Fernando Richter.

    ResponderExcluir
  3. Jota
    Não é o primeiro ato de rebeldia deste jogador, tem dois tipos de punições: afastar o jogador do time o que acaba prejudicando mais a equipe do que o jogador ou multa-lo o que seria o mais correto, porem como aplicar a multa sobre o salário se o jogador com certeza esta com os mesmos atrasados como é de praxe no Flamengo? Clube que não é bem administrado perde a autoridade nessas horas. Gostaria de saber a sua opinião.
    Um abraço
    Roberto Carlos

    ResponderExcluir
  4. Eduardo Cardoso Jr.19 de maio de 2009 15:46

    É Jota...
    Eu acho q esse tipo de atitude já vem desde o berço...com mimos, malcriações, etc...
    Lamentável ver isso num atleta q se entitula "profissional", ganha muito, etc.
    Imagina se eu chego pro meu chefe e digo q não estou afim de trabalhar após o almoço...
    Abração e sds verde, grená e branco!
    Edu

    ResponderExcluir
  5. Amigo Jota,
    Milton Leite não trabalhou no fim de semana.
    Está de folga, ou foi escala ?
    Boa estada na capital paranaense.

    ResponderExcluir
  6. ERA SÓ O QUE FALTAVA JOTA.
    TÁ CERTO QUE O CARA É BOM MAS NÃO TREINAR JÁ É DEMAIS. DEIXA ESSE LUXO PRO ROMÁRIO QUE NASCEU CRAQUE...
    ABRAÇOS JOTA.

    ResponderExcluir
  7. Obrigado, Vilmar, foi tudo bem em Curitiba, felizmente.
    Milton já está de volta às escalas nesse próximo fim de semana.
    abraço
    jota

    ResponderExcluir
  8. Edu, atitude totalmente impensada do Juan.
    Nao dizer amém a tudo, é correto, democrático, mas rebelar-se contra uma jornada de trabalho foi infelicidade do rapaz.
    Que ele repense o que fez.
    abraço
    jota

    ResponderExcluir
  9. Roberto, os clubes pecam muito ao passar a mão na cabeça dos profissionais que erram. Pagam suas multas, pagam o imposto de renda e etc.

    Concordo que é preciso agir profissionalmente com os contratados, sob pena de acontecer isto que houve com Juan.

    Outros irão se sentir no mesmo direito de errar.

    abraço
    jota

    ResponderExcluir