sábado, 25 de abril de 2009

SANTOS OU CORINTHIANS ???

Quanta gente me perguntando sobre quem vai ser o campeão paulista.

É gostoso dar palpite sobre o futebol. Enquanto profissionais, ficamos sempre em situação difícil, porque o público acha que jornalista esportivo não pode errar. É claro que isto é um engano, pois futebol não é ciência exata e todos estão sujeitos a equívocos em análises e principalmente palpites.

Os noventa e poucos minutos de uma partida de futebol, além de longos, são um campo fértil para mudanças e alterações na ordem dos jogos. É uma dinamica constante.

Nem sempre vence quem tem mais time, quem treinou melhor, quem é apontado como favorito. A história do futebol registra isso.

Então, palpites são na verdade "chutes", indicações por simpatia às vezes, e especialmente pelo retrospecto técnico de cada clube.

Por exemplo, na decisão entre Santos e Corinthians eu tenho uma posição. Acho que se o Peixe vencer na Vila, dificilmente perderá o título. Mas se o Timão empatar em Urbano Caldeira, será o campeão no Pacaembu.

Analiso assim pelo perfil dos dois treinadores e pelas características das equipes.

Vagner Mancini é um bom estrategista e se largar na frente neste domingo, arma o time em São Paulo para não perder. E dificilmente perde.

Já Mano Menezes, se por acaso sair da Vila sem derrota, faz no Pacaembu aquilo que fez muito no Paulistão, ou seja, empatar. E aí será o campeão.

Mas é tudo intuição. É "achismo".

E ainda nessa esteira do "achismo", arrisco a dizer que o Santos não perde na Vila e que será o campeão.

Não tenho qualquer envolvimento emocional com Santos ou Corinthians, apenas dou o palpite por ser do futebol e ter esse sentimento antecipado.

4 comentários:

  1. Fala Jota

    Sobre essa inconstância do futebol, muito interessante o arena de ontem, com josé miguel wisnik e marcelo rubens paiva. O professor fez uma análise sobre essa "ingrediente extra", pois enquanto em outros esportes tem-se a necessidade de atacar - e o melhor acaba vencendo - o futebol guarda um campo vasto de possibilidades, desde goleadas dos favoritos até zebras que estamos acostumados a ver. Tudo com muita emoção.

    Que será um jogão, não tenho dúvidas.

    Abraço

    ResponderExcluir
  2. Parabéns, Jota, por não ter ficado sobre o vergonhoso muro da indecisão ou da indefinição.
    O seu palpite realça o SFC como favorito, o que não significa, necessariamente, que você estará torcendo por ninguém. Trata-se de mero palpíte e palpite é assim mesmo. A intuição nos diz que o time qual é melhor do que o tal, ou que vive um momento melhor e, pronto: a gente emite um prognóstico baseado nessas conjecturas.
    Quando se trata de um profissional, ele tem, mais do que o direito legítimo de expressar o seu pensamento, a obrigação de exarar um prognóstico, à luz de suas observações táticas, técnicas e individuais. Isso é inerente à profissão de radialista ou jornalista.
    A grande maioria, porém, fica, vergonhosamente sobre o muro. Eu diria que 98%.
    Para quem tem esclarecimento e lucidez, se você errar e o Corinthians for o campeão, não vai perder absolutamente nada em credibilidade.
    Em meu modo de entender, você ganhou as pessoas de bom-senso, até os próprios corinthianos, pela sinceridade, franqueza e, sobretudo, pela honestidade. Isso é tudo o que se que de um profissional da mídia. Parabéns!
    Agora a minha opinião.
    O Santos jamais perdeu decisão de campeonatos paulistas para o Corinthians. Na década de 80, assisti, no Pacaembu, ao triunfo santista, seguido de belíssima festa, quando o SFC derrotou o seu grande adversário por 1 a 0, gol de Serginho Chulapa, contrariando todos os prognósticos midáticos.
    Entretanto, apesar do retrospecto favorável ao Santos, eu, diferentemente de você, vejo, desta vez, o Corinthians como favorito e mais bem credenciado para ficar com o caneco.
    A equipe de Mano está encorpada, em altíssimo astral, com uma defesa sólida, um meio campo pegador e um ataque suficientemente realizador para as suprir as demandas do time, ainda que não seja um super-ataque.
    Já o Santos cresceu muito sob o comando de Mancini, mas ainda não chegou ao nível do rival pelo menos ao meu sentir.
    A ausência de Roberto Brum no jogo de amanhã será fator relevante a pesar contra o SFC no domínio da zona de raciocínio do campo. O SFC vai perder muito em poder de marcação com a ausência de seu "pulmão de aço". Rodrigo Souto, a outra alternativa, está fora da decisão.
    Eu apreciaria muito que o SFC fosse o campeão mas a minha opinião não é emocional, mas racional.
    Diferentemente do Jota eu creio que o momento é do Corinthians e, como tal, penso que o time de Parque São Jorge será o campeão. E, o que é pior, invicto! Se o for terá sido com ampla justiça, para a inveja confessa deste fanático torcedor do Palmeiras que há anos reivindica em seu clube times e jogadores de força, mas que consegue ver, entra ano sai ano, apenas a contratação de baixotes enfeitadores, excesso de zagueiros de meio campo, raríssimos atacantes e muitos jogadores de classe mas sem sem alma e sem raça, com raras e honrosas exceções. Muda, Palmeiras!
    Abraço a você, Jota !

    ResponderExcluir
  3. JOTA


    Deu "Ronaldo na cabeça"... talvez vc tenha esquecido deste "mero" detalhe... mas, valeu irmão, vc não ficou no muro.
    Se o XV subir... Rio Branco idem e o Corinthians for campeão paulista, por mim Papai Noel pode tirar férias em 2009... rrsrsrsrsrsrs
    Mas, ainda não acabou, falta o "tiro de misericórdia" no "santuário" Pacaembú!

    Forte abraço

    PAULOFILÉ

    ResponderExcluir
  4. Filé, vamos ver o Nho-Quin agora na hora da onça TOMAR água, hein????? rssss
    Estarei torcendo pelo alvinegro piracicabano.
    Assim como esperamos que o Tigre não nos decepcione na hora da decisão.
    boa semana, amigo !!!!!

    ResponderExcluir