sábado, 11 de abril de 2009

BOLA SANTA

Alo, amigos.

Passou a Sexta-Feira Santa, feriadão, e a partir de agora o mundo da bola esfrega as mãos por todo o País.

Os estaduais começam a viver suas decisões e mexendo com a galera.

Leio aqui que se o Remo não conseguir uma vitória sobre o Paysandu, no pega paraense, não terá mais nada a fazer na temporada. É incrível, pois não estaria nem na série D do Brasileiro.

O Cruzeiro já nas semifinais do Mineiro vai pegar o Ituiutaba. O Galo também vai disputar vaga para a decisão do campeonato e a grande torcida mineira espera o velho clássico nas finais, evidentemente.

O grande Sport Recife está bem perto do tetra pernambucano. Mas já focando no jogo da próxima quarta-feira em São Paulo diante do Palmeiras pela Libertadores.

No Rio chegaram os quatro grandes para a decisão da Taça Rio e o que der agora será absolutamente normal, pois são as principais forças cariocas. As maiores torcidas do Rio em confronto futebolístico. Isso é fantástico.

Em São Paulo, onde acompanho de perto, repito o que escrevi sobre o Cariocão. Não haverá nenhuma surpresa, qual seja o campeão paulista. Há quem coloque o Santos como "correndo por fora", mas eu não avalio assim. O Peixe entra em condições iguais nessa fase de chegada.

Escrevo esse post às três da tarde, horário de Brasília, deste sábado, mas daqui a pouco a bola começa a circular pelos gramados do País. Estarei ligado nas imagens da televisão, assim como milhões de pessoas em todo o Brasil.

Peço desculpas por não adentrar outros campeonatos regionais, os quais não acompanho diretamente, embora esteja ligado nos resultados e desfechos dessas competições. Mas que todos vibrem com seus estaduais neste final de semana. Vibrem e curtam os jogos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário