segunda-feira, 30 de março de 2009

OS BANDEIRINHAS ACERTARAM

Assistindo ao Globo Esporte desta segunda-feira, apresentado aqui em São Paulo pelo excelente Thiago Leifert - além de ser gente finíssima - vi o "tira-teimas" dirimindo dúvidas sobre dois lances ocorridos na rodada passada do Paulistão.

Nas duas jogadas, no momento em que aconteceram, quase houve unanimidade num massacre aos dois bandeirinhas: o número 1 de Guarani x Corinthians e o número 1 de Barueri x Santos.
(peço desculpas aos dois por não dispor de seus respectivos nomes aqui).

Hoje o computador da Globo mostrou que os dois ESTAVAM ABSOLUTAMENTE CERTOS.

Houve impedimento do atacante Fernando Gaúcho, do Bugre. E o zagueiro Fabiano Eller, do Peixe, também estava impedido ao fazer o gol no Barueri.

E os dois assistentes receberam tantas pauladas, que deu pena.

E agora, como ficam aqueles que chegaram até a desconfiar da postura ética e moral dos dois assistentes?

E como ficam esses bandeirinhas, depois de serem duramente criticados pelos destemperados do futebol?

Levantarei aqui os nomes dos dois árbitros, e divulgarei em seguida. Eles merecem o registro e o devido reparo. É uma questão de JUSTIÇA.

Nenhum comentário:

Postar um comentário